06 julho 2007

O Inebriante poder do Mestre - Parte 2

Atenção: este post contém imagens que podem não ter NADA a ver com o conteúdo.

Estamos em 98, quando eu era jogador.

O paladino à minha esquerda tinha a Espada dos Desejos Infinitos. À minha direita, um clérigo usava a Armadura de Proteção Absoluta. Enquanto eu sangrava e via a morte lamber a quina de todas minhas jogadas de ataque, os outros jogadores formavam um grupo à parte, mais preocupado em pensar em qual dos 30 itens mágicos deveriam usar.

Eu, então, me perguntava: o que estou fazendo de errado?

Não tardei a descobrir que se tratava de suborno. Sujeira, desonestidade... palhaçada. Era isso. Dava-se algo ao mestre e a recompensa voltava em itens mágicos.

Na época da Páscoa, como diria Lobão, a vida era mais doce. O Mestre engordava uns 5 quilos e os itens mágicos se multiplicavam como coelhos sendo filmados por Buttman.

E vem aquele máxima: se não pode vencê-los, junte-se a eles. Por uma mísera caixa de bombons, ganhei uma dente quebrado que, vejam só: me dava alguns d8 de cura SEM GASTAR AÇÃO.É, a caixinha amarela da Garoto salvou várias vezes a pele de Anaconda, a Guerreira-Cobra (pare de rir do nome, eu tinha só 14 anos)

Mas não estou aqui para criticar esse ato, e sim para reclamá-lo... sim, hoje em dia o Mestre é pior do que um subordinado, cuja função se resume a criar aventuras, não importando se o prazo é curto ou se a inspiração está escassa.

A verdadeira palhaçada está aí: já dei muito chocolate pra Mestre, mas, agora, cadê meu Charge? É triste, mas chegamos no nível em que pegar uma reles esfiha do Habib’s já é motivo de motim!

Deixo aqui minha revolta. Quero o retorno de subornos. Quem não quiser ser o único jogador a não acertar o Lord Norrington III porque não tem espada mágica, pode se preparar pra ir pra Bomboniere.

5 comentários:

Anônimo disse...

Cara,

o texto tá mto foda. curti as referências. o blog de vcs tá de parabéns!!

Rafael Saldanha disse...

Hahahah! Eu nunca ganhei nada sendo mestre...

Tenho um post extra já...

Sr. Cassiano disse...

já tenho uma base da próxima vez que for jogar RPG

Magatsu disse...

Jogar com personagens fodões de mais, não tem graça......

Pedro Obliziner disse...

Ah no meu grupo mestre só serve pra ser xingado